Quarta Feira,23 de Outubro de 2019 São 08h47

ECONOMIA CIDADES GERAL POLÍCIA POLÍTICA ESPORTE ENTRETENIMENTO DESTAQUE SOCIAL EDITORIAL PUBLICAÇÕES

PÁGINA INICIAL

FALE CONOSCO

História da Escola Nilza de Oliveira Pipino de Vera é contada na mostra do conhecimento

Nilza foi à primeira escola do município hoje tem um prédio atual onde atende aos alunos e já conta com a construção de sua nova sede
04/10/2019 - 16:51:52

Na manhã desta sexta-feira (04) está sendo realizada na Escola Municipal Nilza de Oliveira Pipino a mostra do conhecimento. Este ano o tema escolhido para ser trabalho com os alunos foi à história da própria escola. A sede atual da Escola atende pouco mais de 300 alunos dos dois períodos matutino e vespertino. E a unidade escolar já conta com a construção de sua nova sede. Nilza foi à primeira escola do município que teve em seu início em 1988, a atual secretária de Educação Cecília Gabriela Moraes como professora e ela foi homenageada e teve um pouco da sua história contada juntamente com a história da unidade educacional.

“O projeto mostra do conhecimento é maravilhoso, porque traz uma síntese de tudo que é desenvolvido ao longo do ano. E desta vez a Escola Nilza escolheu como tema a própria Escola. E acaba misturando a minha própria história profissional. Por que eu iniciei na primeira Escola Nilza de Oliveira Pipino em 1988, construída na gestão do primeiro Prefeito de Vera José de Lima Cavalcante. Então é toda uma história que se mistura com a história do povo verense. Retratando as dificuldades que nós tínhamos naquela época até chegar aos dias atuais nesse prédio que estamos aqui, mas já projetando para o futuro onde eu também tenho a honra de fazer parte da construção do prédio novo da escola Nilza. Eu fico muito agradecida pelo reconhecimento, eu Lucila Caldart que foi também uma das primeiras professoras junto comigo. Adalziza nos três que iniciamos naquele ano. E desta caminhada toda até aqui só parabenizar a escola pelo resgate histórico”, ressaltou a secretária.

Cada sala da mostra têm escolheu um tema para trabalhar com alunos. Entre elas estão a história das Gestoras da Escola Nilza (desde sua fundação). A função que cada profissional da infraestrutura desempenha. A estrutura física, o antes, o agora e o depois. Mostra (com gráficos) da quantidade de alunos que estiveram matriculados na Escola, desde sua fundação até a atualidade. Projeto Leitura e sua importância.  Projeto Libras – trabalhando a inclusão. Atividades desenvolvidas pelos alunos em sala de aula.  A evolução estrutural e corpo docente da Escola. Projeto reciclagem e construção de brinquedos pedagógicos. Projetos desenvolvidos pela Escola e as Dificuldades de acesso das professoras, no trajeto até a primeira Escola Nilza.

Segundo a professora Eva Caetano dos Santos Hermes um dos projetos que teve como objetivo mostrar aos visitantes a escola do pretérito, do presente e do futuro. “Esse projeto tem como objetivo fazer com que os alunos estudem a sua própria história e também a história da sua escola. Fizemos um levantamento de quantas crianças acharam interessante estudar a escola. A maioria das crianças achou que seria interessante então passamos a prática. Visitamos o prédio da antiga escola que hoje é o lar dos idosos de Vera. Onde as crianças tiraram fotos, registraram e fizemos um vídeo a respeito deste passeio. E depois as crianças foram sugerindo situações que deveriam ser analisadas, e hoje estamos aqui com as três fases da escola. A antiga, a atual e a nova sede”, explicou à educadora.

No período vespertino a mostra continua com um pouco mais do resgate histórico da escola quem fala um pouco mais sobre como os alunos se prepararam para este momento é a diretora da escola Cláudia Brandão. “Foi bem trabalhoso, todos os alunos entenderam o que gostaríamos de fazer por que a escola teve três etapas o início com a Gabriela, essa fase atual e terá a futura escola que termina na gestão da Gabriela isso foi maravilhoso. Todo mundo despertou e disse é uma saga ela começou na escola e está finalizando sua carreira com a construção da nova sede da escola. E os professores se emocionaram por que as crianças entenderam que existe um passado, um presente e um futuro e todos se engajaram e cada um conta uma parte da história. E as crianças interagiram e notaram que muitas pessoas da história da escola elas já viram em algum lugar pela cidade, e eles passaram a reconhecer que dentro do Município tem uma grande história”, finalizou a gestora.

Fonte:Dieny Vieira