Sábado,04 de Julho de 2020 São 16h44

ECONOMIA CIDADES GERAL POLÍCIA POLÍTICA ESPORTE ENTRETENIMENTO DESTAQUE SOCIAL EDITORIAL PUBLICAÇÕES

PÁGINA INICIAL

FALE CONOSCO

Semana Santa?- Mudança de foco

O hábito de se fazer reflexão e até mesmo propagar a origem da Semana Santa está a cada ano sendo pouco difundido e consequentemente a tendência do verdadeiro significado da data é ser ?esquecido? ou ?distorcido? como acontece nos dias de hoje...
05/04/2012 - 09:00:00

O hábito de se fazer reflexão e até mesmo propagar a origem da Semana Santa está a cada ano sendo pouco difundido e consequentemente a tendência do verdadeiro significado da data é ser ‘esquecido’ ou ‘distorcido’ como acontece nos dias de hoje.

A semana santa ocasião em que é celebrada a paixão de Cristo, sua morte e ressurreição é lembrada e ao mesmo tempo desconhecida por pessoas principalmente o público infantil e jovem que não entendem o verdadeiro significado da data.

Quando se aproxima a data ‘semana santa’ a tendência das crianças é diretamente relacionada aos ovos de páscoa, a falta de explicação em casa faz com que essas crianças se tornem jovens e adultos ‘desligados’ sobre a verdadeira importância da data. E, a falta de conhecimento consequentemente se propaga para as futuras gerações.

Outro fator lamentável são aquelas pessoas que entendem a importância da ‘semana santa’ e, ao invés de refletir sobre a data preferem aproveitar o ‘feriadão’ em busca de diversão.

Entendo que as pessoas estejam cansadas da rotina de trabalho do dia-a-dia e queiram aproveitar a ocasião para divertirem. É natural, desde que não vejam a semana santa como um feriado como todos os outros que associa à diversão com bebidas e extravagâncias. E, com isso, geram brigas, tragédias e acidentes de trânsito.

Mesmo distante é possível refletir sobre a data, fazer orações, meditação e é claro respeitar uns aos outros sem ofensas, palavrões e grosserias. Não basta apenas refletir, as pessoas tem que mudar o comportamento respeitando umas as outras.

Não quero generalizar, pois sou ciente que existem ainda manifestações tradicionais de fé que movimentam milhares de pessoas em diversas cidades, mas é importante notar e alertar que ao mesmo tempo as pessoas vem mudando o verdadeiro foco da semana santa.

Fonte:Cristiane Guerreiro