Sábado,25 de Janeiro de 2020 São 04h17

ECONOMIA CIDADES GERAL POLÍCIA POLÍTICA ESPORTE ENTRETENIMENTO DESTAQUE SOCIAL EDITORIAL PUBLICAÇÕES

PÁGINA INICIAL

FALE CONOSCO

Ajuda: Bebê de 7 meses tem 2 tumores e precisa de cirurgia

02/11/2016 - 22:22:56

Pequeno paciente está na UTI da Femina em Cuiabá.

Um bebê de sete meses, que precisou ser operado para a retirada de dois tumores, um na cabeça e o outro no olho, necessita de ajuda.

A família é de Lucas do Rio Verde e os pais se mudaram, a cerca de um mês, para Cuiabá para acompanhar o tratamento do filho. Eles estão morando na casa de apoio VITTA.

Arquivo Pessoal

Pequeno paciente está na UTI da Femina.

Segundo o pai Marcos Antônio Ribeiros Novaes, o diagnóstico do filho, Antônio Marcos Santos Ribeiro, de 7 meses, foi dado quando ainda estava com 4 meses.

“O olho esquerdo dele estava muito grande e achamos estranho. Fizemos uma ressonância no interior e descobrimos que ele tinha nascido com um tumor na cabeça e outro no olho. Para tentar salvar meu filho, largamos tudo em Lucas do Rio Verde, casa, trabalho e família”, desabafa.

O pai explicou que o bebê fez a cirurgia no dia 27 de outubro, na Femina Hospital Infantil e Maternidade. A cirurgia custava em torno de 10 mil reais e só foi possível depois de uma intervenção judicial por meio da defensoria pública.

Arquivo Pessoal

“Na cirurgia os médicos conseguiram retirar o tumor da cabeça, mas o do olho permaneceu”.

O bebê está internado na UTI e não tem previsão de alta. Por isto a família ainda não sabe quando poderá voltar pra casa. Como estão se dedicando exclusivamente para o filho, e sem nenhum parente em Cuiabá, o casal está passando por dificuldades. O pai pede ajuda, principalmente de fraldas, tamanho G, e dinheiro para alimentação.

As doações podem ser feitas através de deposito bancário na conta poupança do pai, Marcos Antônio Ribeiro Novaes, Agência 3383 e Conta Corrente 01300000498-0. Ou pode ser entregue na casa de apoio onde a família está hospedada, na Rua Luis Felipe Pereira Leite, número 91, bairro Alvorada. As fraldas também podem ser entregues no hospital Femina. Para entregar, é só procurar a mãe do bebê, Edirce Aparecida dos Santos.

“Agradecemos às pessoas que puderem nos ajudar, estamos precisando muito. Estou sem trabalho e não tenho como pagar as contas”, conclui. 

Fonte:gazeta digital