Sexta Feira,06 de Dezembro de 2019 São 23h34

ECONOMIA CIDADES GERAL POLÍCIA POLÍTICA ESPORTE ENTRETENIMENTO DESTAQUE SOCIAL EDITORIAL PUBLICAÇÕES

PÁGINA INICIAL

FALE CONOSCO

Jovem registra BO e relata abuso que sofreu em entrevista de emprego feita por advogado

24/07/2017 - 09:20:06

Uma jovem, de 22 anos, identificada como L. R. F., registrou um boletim de ocorrência, e também fez uma postagem no Fecebook, relatando como foi abusada por um advogado que oferecia uma suposta vaga de massagista em uma clínica de estética em Cuiabá. O fato aconteceu por volta das 9h da quarta-feira, 19,  em uma entrevista de emprego.

Ao Olhar Direto, a jovem narrou o ocorrido. Ela contou que recebeu uma ligação, na terça-feira (18), de uma agência de empregos onde tem cadastro, dizendo que havia surgido uma vaga com seu perfil. A jovem é estudante de fisioterapia e a vaga seria para trabalhar como massagista em uma clínica de estética.

A garota então foi ao local da entrevista de emprego e se encontrou com o suspeito. O homem teria dito que ela se encaixava na vaga e que deveria retornar no outro dia para fazer o treinamento.

Na manhã do dia seguinte ela voltou ao mesmo local onde fez a entrevista, pois foi informada que a clínica onde trabalharia estava em reforma e o treinamento seria feito ali mesmo.

A jovem foi levada a um quarto, com uma cama, e o homem teria lhe dito que faria a massagem nela para ensiná-la. O suspeito entregou uma toalha à jovem e pediu para que ela se despisse e tomasse banho para ficar pronta para a massagem.

Após o banho, a jovem retornou ao quarto, vestindo suas roupas íntimas e coberta com a toalha. O homem teria pedido para que ela retirasse as roupas íntimas e se deitasse na cama.

A jovem se recusou a tirar as roupas, mas se deitou na cama, de bruços. O homem então começou a fazer a massagem e após alguns minutos, arrancou a calcinha da jovem dizendo que estava atrapalhando a massagem. Neste momento a jovem se levantou e disse que iria embora, mas o homem a empurrou na cama dizendo que ainda faltava a parte da frente.

L. R. F. disse que não reagia por medo que o homem se irritasse com ela e a machucasse. Ela então se deitou novamente na cama e o homem colocou uma toalha no rosto dela. Incomodada, a jovem retirou a toalha do rosto e viu o homem se despindo.

A jovem correu para o banheiro e vestiu suas roupas. O homem foi atrás dela, nervoso, dizendo para que ela ficasse tranquila. A jovem foi embora do local, em direção ao endereço da suposta clínica de estética onde trabalharia. Porém, a clínica não existia. Neste momento a jovem se direcionou à 1ª Delegacia de Polícia, no Centro de Cuiabá e registrou um boletim de ocorrências.

A garota também fez uma postagem no Facebook, contando a história e alertando outras pessoas sobre o homem. L. R. F. contou que após a publicação já recebeu mensagens de outras duas mulheres que disseram ter passado pela mesma situação.

Olhar Direto tentou contato com o acusado, mas não obtivemos resposta. A Polícia Civil deve continuar com as investigações sobre o caso.

Fonte:olhar direto