Sexta Feira,23 de Julho de 2021 São 15h24

ECONOMIA CIDADES GERAL POLÍCIA POLÍTICA ESPORTE ENTRETENIMENTO DESTAQUE SOCIAL EDITORIAL PUBLICAÇÕES

Menu

PÁGINA INICIAL

FALE CONOSCO

Ministro participa de audiência pública para discutir concessão da BR-163

A audiência será importante para a avaliação do processo de revisão da concessão da rodovia
07/07/2021 - 18:55:42

A Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso (OAB-MT) realizará no dia 16 de julho, das 14h às 17h, audiência pública acerca da BR-163, para ouvir autoridades e a população.

O evento será uma importante oportunidade de avaliação do processo de revisão da concessão da rodovia, a partir da celebração do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), que a Concessionária Rota do Oeste S/A (CRO) deve assinar com o Governo Federal, até o final de agosto.

Com o TAC, a concessionária se compromete a corrigir  inadimplemento contratual e, junto a novo acionista, conduzir obras, que estavam estagnadas desde 2016. O Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes, já confirmou presença.

Autoridades, representantes de entidades e instituições convidados serão recebidos, presencialmente, tanto na sede da Seccional, na Capital, quanto nas subseções de Sinop, Sorriso, Lucas e Nova Mutum – cidades cortadas pela rodovia em questão.

Os demais participantes poderão acompanhar o debate via internet. O evento será inclusive interativo, com espaço para perguntas e reflexões sobre as questões relativas à atuação da CRO, à rescisão contratual e ao TAC, mediante inscrição prévia.

Portaria será expedida com todas as informações, explicando a dinâmica do evento. Este formato atende às regras restritivas da pandemia de covid-19, para evitar aglomerações.

A audiência da OAB-MT, que encerrará com um relatório final, será preparatória para uma outra, a ser realizada pelo Ministério da Infraestrutura e Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), de forma online, dia 19 de julho, das 15h às 17h (horário de Brasília).

O presidente da OAB-MT, Leonardo Campos, ressalta que a Ordem, mais uma vez, na qualidade de porta-voz da sociedade dá um passo importantíssimo na defesa de direitos. “A situação da BR-163 é um problema que aflige o Estado todo, independente de em qual região o cidadão reside ou labora, porque esta rodovia é uma veia que corta Mato Grosso de ponta a ponta”.

Segundo ele, a concessão da BR-163 à Rota do Oeste é fundamental para o desenvolvimento do nosso Estado, mas acima de tudo é preciso que os termos do contrato de concessão sejam cumpridos.

Segurança e melhor escoamento da safra

Nesta questão da BR-163, a OAB-MT defende dois pilares fundamentais. Primeiro, a preservação do direito à vida, à segurança daqueles que trafegam na rodovia, em que ainda ocorrem muitos acidentes fatais. Segundo, Mato Grosso, sendo o Estado do agronegócio, tem na 163 a principal via de escoamento da produção.

“Por esses motivos principalmente temos que cobrar da empresa concessionária sua responsabilidade e essas audiências visam dar ciência à população dos termos da nova proposta do Termo de Ajuste de Conduta prestes a ser firmado entre a Rota do Oeste e a ANTT”, reforça o presidente da Ordem, Leonardo Campos.

Ele destaca a importância de ouvir a população antes de sacramentar o TAC, porque podem surgir daí grandes contribuições para melhorar e aprimorar o acordo extrajudicial.

OAB-MT à frente

Capitaneando essa bandeira da sociedade mato-grossense, a OAB já mereceu, por sua atuação, uma moção de congratulação concedida pela Assembleia Legislativa, que também agraciou os membros da Comissão Especial da BR-163 com uma moção de aplausos.

A homenagem se deve essencialmente ao relatório elaborado pela comissão sobre a situação da rodovia, que norteou toda a busca por solução do problema. “Um trabalho primoroso de conselheiros e presidentes de todas as subseções do eixo da BR-163. Eles, como usuários principais da rodovia, porque trafegam nela semanalmente, nos auxiliaram e muito conduzindo, pela OAB, toda a discussão que envolve o TAC”, parabeniza Leonardo Campos.

Fonte:Assessoria